Saudade


saudade
Sabe aquela saudade que vem impregnada nas notas das canções? E quando o vento sopra tão suave que as flores todas em seus jardins parecem agradecer a brisa? Eu podia o sentir tão perto que acreditei ouvir sua voz entre as melodias... Ou são só os acordes que traziam momentos tão vivos na memória que se eu fechasse os olhos poderia voltar no tempo para o ter mais um segundo...
E eu permaneci assim em silencio, tentando reviver as formas, as paisagens, as lembranças... Porque por mais que a vida tenha o tirado do alcance dos meus olhos, nunca, tempo algum, ou qualquer movimento será capaz de afastar do meu coração.
A vida doi sem você aqui. A saudade as vezes e cruel... o tempo sufoca e é como se o ar não fosse suficiente para me manter viva... 
Eu te amo, e hoje eu daria tudo para te ver sorrindo por mais um minuto.

Postar um comentário

0 Comentários