Pular para o conteúdo principal

Onde deveria estar

Onde deveria estar
Quando resolvi pegar um pedaço de papel e uma caneta, percebi o quanto de mim mudou. Parece que foi ontem, as palavras surgiam automaticamente formando ideias desenhadas nas páginas em branco, hoje a maioria delas continuam vazias, esperando... implorando por um pouco de atenção. A vida nos rouba o tempo e isso é irônico.
E não é menos irônico perceber que uma das poucas coisas que podia sentir orgulho, que era a capacidade de criar mundos paralelos em qualquer situação, já não faz parte do meu cotidiano. É quase uma afronta, algumas poucas linhas são capazes de sugar toda a minha imaginação.
Eu não sei dizer, ao certo, quando foi que me tornei "silêncio". Hoje eu olho em minha volta e tudo que sou capaz de ver é uma selva de pedras, empoeirada e barulhenta, com suas pessoas correndo atônitas de um lado para o outro e ainda faço parte dessa massa navegando em uma correnteza que não leva à lugar algum.
Depois de algum tempo a gente percebe que falar de mais incomoda, na verdade ninguém quer ouvir, ninguém tem tempo para relações sinceras e incondicionais. Quando uma pessoa pergunta "Como foi seu dia?" ela simplesmente está querendo te lembrar de que ainda não é hora de tirar a máscara que você carregou o dia todo, restrinja-se a dizer "bem" e não renda assunto.
É, aquela sensação antiga de que o mundo está vazio ainda é dominante, mesmo ela ficando quieta, sem doer, sem alarde. Se eu olho um pouco além dos prédios altos, pela janela, existe apenas um horizonte sombrio e, agora, sem interesse. Não adiantou de nada quebrar algumas grades, os muros são de concreto e aço.
Como seres humanos procuramos mudanças constantemente. Parece ser de nossa natureza não nos conformar ou, ao menos, aproveitar o momento. Estamos sempre em busca de algo mais. Como seres humanos nunca estamos satisfeitos e, quando alcançamos algum nível, nos lembramos saudosamente de um período anterior, com notas mais simples e cores mais leves.
As vezes, ou quase sempre, eu sinto falta do que já fui um dia. Sinto falta de sorrir sem motivo, de cantar uma canção aos gritos, de caminhar descalço sentindo o chão sob meus pés. E não é só falta, por si só, mas uma mistura com um sentimento de que eu peguei algum caminho errado nas bifurcações da vida. Pode ser que haja um mundo paralelo onde eu deveria estar e as vezes, só as vezes mesmo, eu queria voltar e pegar a estrada certa.
Talvez seja apenas eu que ainda olho além, não vejo mais ninguém ousando a olhar na mesma direção que eu e, por isso, é mais certo que eu esteja mesmo buscando a direção errada. Talvez eu queira mesmo sentir  um calor que queima, ter uma conversa que vai além do "como foi seu dia", mas não estou dizendo que isso é o certo. Talvez eu prefira ter um sorriso no rosto ao invés de tê-lo na foto do perfil do facebook, mas isso soa como dramaturgia, nem faz tanto sentido. Mas é que, mesmo pra mim, que sempre vivi naquele mundo paralelo, com meus personagens, sonhos e fantasias, sozinha, não consigo entender a relação de egoísmo, superficial e frágil que a humanidade se curva, vivendo uma realidade superficial de exibicionismo em uma página da internet.
Eu já cresci o suficiente para desacreditar no impossível. Alias, desacreditei de muita coisa, mas tem dias que eu só queria ter acordado há quinze, vinte anos e percebido que estava tudo onde deveria estar...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cinema: Estreias Imperdíveis de 2014

Por: Carol Turck Não faz tanto tempo que o ano de 2014 começou e mesmo assim já temos uma lista enorme de excelentes filmes que já estrearam nos cinemas este ano, como O Lobo de Wall Street, A Menina que Roubava Livros, Trapaça e diversos outros. Mas como ainda temos vários meses pela frente, também ainda temos várias estreias imperdíveis para não nos fazer desgrudar da poltrona do cinema este ano. Confira abaixo alguns dos filmes mais aguardados e que você não pode perder: O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro (The Amazing Spider-Man 2) A sequência do herói Homem-Aranha irá rechear a tela de vilões: Jamie Foxx será o principal deles, no papel de Electro, mas também Paul Giamatti, Dane DeHaan e Chris Cooper darão vida a Rhino, Duende Verde e Norman Osborn, respectivamente. A estreia será em 2 de maio. Godzilla O famoso lagarto gigante japonês está de volta ao cinema neste remake norte-americano. O elenco trará o premiado ator Brya

Continuum - Série (Ficção Científica)

Se tem algo que vira mania fácil fácil é seguir uma série na TV. Quando o assunto é interessante, logo nos pegamos inebriados por seu conteúdo e fuçando a internet, até chegar o dia da exibição do próximo capítulo, para procurar deduções à respeito. Quem é como eu, que não gosta de "baixar" os capítulos para assistir, e prefere aguardar as exibições legais (nada contra quem baixa), sabe do que estou falando. É quase uma tortura a ansiedade. No último dia 15, sexta feira, estreou no Canal Space , a série Continuum, que possui grande potencial para se tornar um sucesso imediato. A série canadense, que aborda o tema de ficção científica, foi produzida pela Reunion Pictures Inc. e está na 2ª temporada originalmente, no entanto, para o Brasil, estreou com elevada pontuação de IBOPE, somente este mês. A trama discorre sobre um grupo de terroristas do ano 2077 que, através da alta tecnologia, escapam da execução viajando no tempo para o ano de 2012. Acidentalmente, uma oficial da le

Top 10 - Guitarristas e suas Guitarras

Nenhum outro instrumento musical tem o poder de enlouquecer a cabeça de jovens quanto a guitarra. Aprimorada por Les Paul em 1940, quando criou um sistema de bobinas capaz de captar o som das cordas em um corpo sólido de madeira, a guitarra encontrou no rock n’ roll seu maior gênero e, desde os anos 1950, tem criado lendas do estilo e também do instrumento. Guitarristas como Jimi Hendrix, Tony Iommi, Jimmy Page, Eddie Van Halen, entre outros, eternizaram suas guitarras, fazendo marcas e modelos virarem verdadeiros ícones do rock, não só pela guitarra em si, mas pelo que foram, e alguns ainda são, capazes de fazer com elas. Dentre esses, escolhi os dez melhores guitarristas que, na minha opinião, são as melhores lendas do rock, junto com sua guitarra: 1º Jimi Hendrix 2º Edie Van Halen 3º Angus Young 4º Jimmy Page 5º Joe Satriane 6º Eric Clapton 7º  Steve Vai 8º Keith Richards 9º Les Paul 10º Kirk Hammet É claro que escolher ape