Pular para o conteúdo principal

A mais pedida


Recentemente, em uma chamada do Google, eu li uma matéria falando sobre as músicas que o brasileiro tem ouvido. É evidente que não gostei. Segundo a matéria, pela primeira vez, nos últimos trinta anos, o rock não consta na listagem das mais pedidas dos brasileiros. A matéria não é muito segura, mas fiquei a pensar sobre isto. 

Desde que me entendo por gente existe a variação musical que há hoje, claro que inventaram mais algumas categorias, mas, principalmente no Brasil, a miscigenação musical sempre existiu. A própria música dita popular brasileira, embora com raízes no samba e bossa nova, é uma mistura de tons e acordes que tornaram um ritmo próprio. 

O que me entristece de fato é que a mídia divide a música em sucesso e não sucesso, considerando apenas "o que está na boca do povo". É irrelevante, eu diria, pois, para uma pesquisa que considera Black Sabbath como pop rock, já se percebe que quem a escreveu não sabe nada de música. O problema maior é dizer que o "rock tem a pior performance de todos os tempos". Isso chega a ser imbecilidade. 

Para que uma pesquisa seja efetiva é preciso considerar números válidos. Qualquer pessoa que tenha o mínimo de noção de estatística sabe disso, então é muito fácil dizer que "a" ou "b" é preferido se a pesquisa é direcionada especificamente há um público. É como as pesquisas eleitorais. Elas não são falsas, mas os candidatos direciona a pesquisa nas regiões que são mais fortes, o que faz com que cada um tenha resultados satisfatórios. 

Voltando à música. Há alguns anos atrás eu era super fã de ouvir rádio. Isso por volta de 1998/1999, antes da grande ascensão do tal hip hop. Os mineiros que curtem, com certeza lembram da época de glória da 98FM "a melhor do pop rock". Acontece que, iniciado a década de 2000, coincidentemente quando a Crowley começou a monitorar as estações de rádios e realizar suas pesquisas para obter tais conclusões, até as melhores rádios passaram a tocar os hits do momento, hip hop, baladinhas, Britney Spears e Lady Gaga (essas duas não se encaixam em nenhuma categoria musical) e Adele... convenhamos, quem gosta de rock NÃO vai ouvir isso de jeito nenhum, para uma vez ou outra ouvir uma música que preste. Nessa época também deu-se a ascensão da internet, os mp3 players e os ipods da vida... até os celulares mais simples passaram a tocar mp3 então, não há um só motivo para ouvir rádio e muito menos para pedir músicas, já que essa coisa de "paradas de sucesso" é pura ilusão. 

Já disse aqui que a música virou um simples meio comercial, perdendo a essência e tornando-se apenas um veículo da mídia. Principalmente no Brasil, em que nós aceitamos tudo que é dito pela mídia e engolimos a grandes garfadas qualquer porcaria sem reclamar, as rádios foram tomadas por um tsunami de arrochas, sertanejo universitário, pagodes, hip hop e o maldito funk. Não há nenhum critério, não há nenhuma seleção. Coloque uma mulher sem roupa ou um play boy com calça justa, faz um "tut tut tut" e no Brasil isso é música, e pior, os empresários e os anunciantes fazem isso tocar sem parar em qualquer rádio. 

Por outro lado, sinceramente quem já viu uma banda de rock (rock, não a porcaria de Jota Quest) em um comercial de TV ou no programa do Faustão ou no Fantástico? Lamentavelmente, o processo de emburrecimento coletivo que vive o Brasil dá margem para o surgimento de barbaridades como Naldo, Anita (Anita, Deus! Quer coisa mais escrota que esta mulher), Michel Teló, Paula Fernandes, Luan Santana e seus imitadores, o execrável “funk carioca” e mais um monte de outras porcarias. Isto sem contar as duplas sertanejas “dor de corno” e os pagodes xexelentos... É isto o que virou a música do Brasil nas rádios. Tudo financiado pelas “verbas de promoção”.

Não é surpresa essa pesquisa fraudulenta. Na verdade ela mostra a realidade por trás da aniquilação midiática. Música é como vinho, alguns sabem apreciar, possuem um paladar fino e reconhecem o gosto, o tom a suavidade, o aroma... outros se contentam com promoções de prateleira a R$9,99 e não passa de suco de uva com cachaça.

Comentários

  1. Olá, querida Marcela. Também li sobre isso e pensei: é o apocalipse zumbi. Depois dei uma lida no Blog do Régis Tadeu e ele explicou porque não devemos nos assustar e pensar que o rock já era. O link é esse: http://br.omg.yahoo.com/blogs/mira-regis/o-rock-sumiu-das-r%C3%A1dios-qual-surpresa-191029286.html

    Dá uma lida! Você vai gostar!

    Beijos!

    P.S: te add nos Hiper Cafeinados

    T.S. Frank

    www.cafequenteesherlock.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá te indiquei para um desafio,confira aqui:
    http://louquinhaporlivro.blogspot.com.br/2014/01/desafio-de-ferias-cinco-livros-ate-0502.html

    EmyLu- Louquinha por Livros

    ResponderExcluir
  3. Isso é um tema de discussão que eu gosto, realmente não vejo mais motivos para ouvir rádio. Mas é ridiculo que as rádios nacionais não criem vergonha na cara e toquem música boa, como por exemplo, na Inglaterra há radios que tocam Arctic Monkeys e ainda existem bandas que gravam "Singles" para rádios. Aqui no Brasil as bandas gravam singles para o Youtube, por que depender de rádio tá foda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois eh.
      o pior que a mídia incentiva muito o sucesso de músicas porcarias. Por isso tem muitos músicos emergentes, que são bons e desistem pois não conseguem divulgar seu trabalho sozinho.

      Excluir

Postar um comentário

Todos os comentários são de responsabilidade individual e não representam a opinião da autora do blog.

Postagens mais visitadas deste blog

Cinema: Estreias Imperdíveis de 2014

Por: Carol Turck Não faz tanto tempo que o ano de 2014 começou e mesmo assim já temos uma lista enorme de excelentes filmes que já estrearam nos cinemas este ano, como O Lobo de Wall Street, A Menina que Roubava Livros, Trapaça e diversos outros. Mas como ainda temos vários meses pela frente, também ainda temos várias estreias imperdíveis para não nos fazer desgrudar da poltrona do cinema este ano. Confira abaixo alguns dos filmes mais aguardados e que você não pode perder: O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro (The Amazing Spider-Man 2) A sequência do herói Homem-Aranha irá rechear a tela de vilões: Jamie Foxx será o principal deles, no papel de Electro, mas também Paul Giamatti, Dane DeHaan e Chris Cooper darão vida a Rhino, Duende Verde e Norman Osborn, respectivamente. A estreia será em 2 de maio. Godzilla O famoso lagarto gigante japonês está de volta ao cinema neste remake norte-americano. O elenco trará o premiado ator Brya

Top 10 - Guitarristas e suas Guitarras

Nenhum outro instrumento musical tem o poder de enlouquecer a cabeça de jovens quanto a guitarra. Aprimorada por Les Paul em 1940, quando criou um sistema de bobinas capaz de captar o som das cordas em um corpo sólido de madeira, a guitarra encontrou no rock n’ roll seu maior gênero e, desde os anos 1950, tem criado lendas do estilo e também do instrumento. Guitarristas como Jimi Hendrix, Tony Iommi, Jimmy Page, Eddie Van Halen, entre outros, eternizaram suas guitarras, fazendo marcas e modelos virarem verdadeiros ícones do rock, não só pela guitarra em si, mas pelo que foram, e alguns ainda são, capazes de fazer com elas. Dentre esses, escolhi os dez melhores guitarristas que, na minha opinião, são as melhores lendas do rock, junto com sua guitarra: 1º Jimi Hendrix 2º Edie Van Halen 3º Angus Young 4º Jimmy Page 5º Joe Satriane 6º Eric Clapton 7º  Steve Vai 8º Keith Richards 9º Les Paul 10º Kirk Hammet É claro que escolher ape

Continuum - Série (Ficção Científica)

Se tem algo que vira mania fácil fácil é seguir uma série na TV. Quando o assunto é interessante, logo nos pegamos inebriados por seu conteúdo e fuçando a internet, até chegar o dia da exibição do próximo capítulo, para procurar deduções à respeito. Quem é como eu, que não gosta de "baixar" os capítulos para assistir, e prefere aguardar as exibições legais (nada contra quem baixa), sabe do que estou falando. É quase uma tortura a ansiedade. No último dia 15, sexta feira, estreou no Canal Space , a série Continuum, que possui grande potencial para se tornar um sucesso imediato. A série canadense, que aborda o tema de ficção científica, foi produzida pela Reunion Pictures Inc. e está na 2ª temporada originalmente, no entanto, para o Brasil, estreou com elevada pontuação de IBOPE, somente este mês. A trama discorre sobre um grupo de terroristas do ano 2077 que, através da alta tecnologia, escapam da execução viajando no tempo para o ano de 2012. Acidentalmente, uma oficial da le